sábado, dezembro 3

Insuspeitos


[Francisco Louçã] "..tem grande qualidade. Apresentou no campo económico um certo número de propostas concretas, que a comunicação social não soube analisar e criticar."

Eduardo Prado Coelho
(membro da C.Política da candidatura de Manuel Alegre - in Público de 02/12/05)

"Um comunicador especial com a vantagem da sua formação académica em economia que foi a tempo de tornear as questiúnculas pessoais: quando o oiço na televisão, imagino-o sempre a somar votos."

Pedro D'Anunciação
(Jornalista do Expresso - in Expresso de 03/12/05)

3 comentários:

Helena disse...

mais um..diz ele...um voto , claro...lol
é verdade , este 3 de dezembro é um dia muito especial para mim..um dia a nao esquecer..
que quer dizer "questiunculas"..ja nem sei escrever essa palavra..
um beijinho
Helena

O Pi@d@s disse...

Em muito do que dizes, concordo contigo. Mas, sabes, às vezes acho que o Louçã só ainda é assim, porque está num partido sem "responsabilidade governativa" no horizonte...
Espero que não mude, mas temo que essa mudança venha a acontecer...
;-)

Barbara disse...

Olá Fernando..
Realmente o Francisco Louçã tem umas propostas que deveriam ser analisadas mais concretamente...
Mas dado o facto de estas eleições estarem a rodar em torno do Cavaco e do Soares ... o Louçã vai ter que se esforçar um pouco mais para sair da sombra da imagem jornalistica deles! vai ser dificil mas desejo-lhe o maior sucesso.
Continua assim...
Um beijo
Barbara